aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz

Câmara de Rosário contrata empresa cuja dona é investigada por falsificar documentos

Prezar pela idoneidade de seus fornecedores e prestadores de serviço deveria ser regra na administração pública. Mas, segundo apurou o blog do Wallace Braga, não é bem isso que acontece na Câmara Municipal de Rosário.

Na louvável tentativa de dar transparência às ações parlamentares, o vereador Luiz Carlos Barros de Oliveira, o Kiko (MDB), chefe do legislativo rosariense, contratou a empresa Ark Reengenharia Digital cuja razão social é M. L. R. Viana Lobo – ME, que ficou responsável por prestar serviços de assessoria em comunicação e marketing.

Empresa que presta serviços de comunicação à Câmara de Rosário não tem experiência para atuar no setor
Empresa que presta serviços de comunicação à Câmara de Rosário não tem experiência para atuar no setor

Até aí, normal. Afinal de contas, transparência sempre foi sinônimo de credibilidade. Certo de que um contrato de publicidade poderia permitir a veiculação de todo o material midiático relacionado às ações do parlamento municipal, Kiko resolveu assinar a proposta contratual no valor R$ 82.500,00 (oitenta e dois mil e quinhentos reais), no dia 10 de fevereiro de 2017, mas disponibilizou o extrato da contratação no Diário Oficial do Estado (DOE), somente no dia 05 de outubro do mesmo ano, oito meses depois de sua assinatura.

No entanto, o que é grave e chama a atenção é que a dona da empresa contratada, segundo apurou o blog, já figura como ré em ação penal na Justiça Eleitoral. A empresária Maria Lahanna Rodrigues Viana Lobo é acusada pelo Ministério Público Estadual (MPE) de tentar transferir seu domicilio eleitoral para o município de Rosário tentando comprovar seu endereço utilizando de comprovante de residência falsificado.

 Cadastro da prefeitura mostra que empresa não tem expertise para atuar na comunicação
Cadastro da prefeitura mostra que empresa não tem expertise para atuar na comunicação

“Trata-se de denúncia formulada pelo Ministério Público contra Maria Lahanna Rodrigues Viana Lobo, já qualificado nos autos, pela suposta prática do crime previsto no art. 350, do Código Eleitoral. Narra a denúncia que no dia 02 de maio de 2016, o denunciado compareceu ao Cartório Eleitoral e lá informou falsamente ser residente no município de Rosário, e para comprovar seu endereço utilizou-se de comprovante de residência com dados falsos”, diz trecho da peça apresentada pelo órgão ministerial.

Após tomar conhecimento dos fatos, a juíza Karine Lopes de Castro, titular da 18º Zona Eleitoral, resolveu acatar a denúncia e determinou o cancelamento do domicílio eleitoral da acusada.

“Isto posto, defiro tudo quanto requerido pelo Ministério público, recebo a denúncia e tendo em vista a proposta de suspensão condicional do processo formulada no bojo da peça acusatória, designo audiência para tal finalidade”, declarou a magistrada em despacho publicado no dia 01 de agosto de 2016.

Proprietária da firma é alvo de ação penal por falsificar comprovante de residência
Proprietária da firma é alvo de ação penal por falsificar comprovante de residência

O processo contra a empresária corre na justiça eleitoral sob nº 103-09.2016.6.10.0018. Caso venha ser condenada em primeira e segunda instância, Lahanna Lobo pode pegar até 2 anos e 6 meses e prisão.

MAIS FRAUDE
O endereço da empresa Ark Reengenharia Digital é a Rua Sirius, número 98, Recanto dos Vinhais, em São Luís. Curiosamente, a sede da firma fica na mesma região em que um dentista identificado como Evandro Viana Lobo Junior, chegou a ser preso em flagrante no dia 15 de julho de 2016, por furtar energia elétrica. Na época, a fraude foi constatada na residência dele, localizada no condomínio Mar Del Plata, Recanto dos Vinhais.

Atestado de capacidade revela que Ark Reengenharia na atua na área de comunicação
Atestado de capacidade revela que Ark Reengenharia na atua na área de comunicação

É A PAPA-TUDO
Enquanto a empresária ré aguarda a sentença judicial sobre o processo por falsificação de documentos, a empresa dela virou a ‘papa-tudo’ das licitações em Rosário. Além da Câmara, a Ark Reengenharia acumula contratos na prefeitura rosariense. Só na gestão da prefeita Irlahi Linhares, a companhia possui treze contratos, com valores que variam entre R$ 7,9 mil a R$ 129 mil reais. Esses e outros detalhes o blog conta na próxima matéria.

Deixe uma resposta

aplikasitogel.xyz hasiltogel.xyz paitogel.xyz